Como funciona a embreagem do carro?

Como funciona a embreagem do carro. Foto: Pexels / Aaron Curtis
Como funciona a embreagem do carro. Foto: Pexels / Aaron Curtis

Existem sistemas muito importantes no quesito da mecânica de um veículo, como o motor e o câmbio. Nesse sentido, a embreagem aparece como um componente imprescindível a fim de assegurar o funcionamento adequado desses sistemas e evitar possíveis complicações.

Mas, afinal de contas, como funciona a embreagem do carro? Quais os cuidados devo ter com ela? Para o que ela serve?

Quer saber as respostas desses questionamentos? Então, continue a leitura deste artigo e fique por dentro de tudo!

Veja aqui como trocar a lâmpada do farol

Afinal, o que é a embreagem?

A embreagem é um componente que fica posicionado entre o motor e a caixa de câmbio e, tem como principal função a transmissão da força produzida pela unidade, para a caixa de câmbio.

Diante disso, o motor do veículo está sempre em constante funcionamento desde o momento da partida até a interrupção de todo o conjunto mecânico.

Para que isso seja possibilidade e para não permitir que o motor do carro morra, o câmbio precisa ser desacoplado do propulsor. Neste momento, é que aparece a embreagem e sua importantíssima função.

Antes de falarmos como funciona a embreagem do carro, vamos entender mais sobre os componentes dela. Podemos destacar os seguintes itens:

  • Platô;
  • Disco e rolamento;
  • Cabo ou sistema hidráulico;
  • Pedal de embreagem.

O platô é responsável por fazer com que o veículo saia da inércia, ou seja, saia do repouso. Diante disso, o principal objetivo dele é realizar o movimento do veículo de modo menos abrupto e mais suave possível.

É válido ressaltar que o platô é formado pela carcaça da embreagem, pela placa de pressão e pela mola membrana, sendo que sua conexão é feita de maneira direta ao volante do motor.

Como funciona a embreagem do carro?

Agora vamos falar um pouco mais sobre como funciona a embreagem do carro, a qual é tão importante para dar movimento ao carro e para permitir a troca de marchas de modo seguro, controlado e desperdiçando o mínimo de energia possível.

Quando é acionado o pedal de embreagem, há o alívio do volante sobre o disco, provocando o desacoplamento do motor ao câmbio. Quando o pedal é solto, o platô vai pressionar o disco de embreagem contra o volante do motor e, com isso, o mecanismo é fechado a ponto de garantir a suavidade no momento em que o veículo vai sair da inércia.

Em relação ao disco de embreagem, ele é fixado sobre o eixo piloto da transmissão, sendo responsável por fazer a interconexão entre motor, câmbio e platô (o disco de embreagem possui uma espécie de estria para impedir que haja atrito entre os componentes).

E, finalmente, o rolamento vai pressionar o centro da mola membrana, afastando as placas de pressão do disco de embreagem e, por conseguinte, fazendo a interrupção do envio da rotação do motor para a caixa de câmbio.

Como usar a embreagem de forma adequada?

Existem diversas dicas de como utilizar a embreagem correta, quando estiver dirigindo. Confira abaixo algumas delas:

  • É interessante soltar o pedal da embreagem suavemente depois de engatar a primeira marcha, com o objetivo de evitar o desgaste precoce do disco de embreagem;
  • Evite usar a embreagem em momentos desnecessários, isto é, utilize apenas nas passagens de marcha;
  • Não pare no sinal e fique com o pé pressionando a embreagem e segurando o seu carro na primeira marcha. Coloque o câmbio na posição neutra e só engate a primeira marcha quando o sinal ficar verde;
  • Não utilize a embreagem como freio numa rampa, isso pode ocasionar o desgaste prematuro do disco de embreagem. O freio existe para isso!;
  • Preste atenção para fazer a sincronização adequada do pedal de embreagem com o pedal do acelerador. Visto que, ao acelerar forte sem soltar o pedal da embreagem suficientemente, ocasionará no desgaste dos componentes da embreagem. Além disso, o consumo de combustível vai ser maior!

Quando devo trocar a embreagem do meu carro?

Depois de aprender como funciona a embreagem do carro e os principais cuidados para evitar o desgate prematuro, é importante ter em mente quando trocá-la.

De modo geral, todo o sistema de embreagem costuma durar em torno de 40 mil e 60 mil quilômetros. No entanto, é óbvio que esse intervalo vai depender de diversos fatores, não é mesmo?

Esse tempo de duração pode variar de acordo com o estilo de condução do motorista, do uso adequado da embreagem, entre outros, podendo variar tanto para mais quanto para menos.

Para identificar se está na hora ou não de realizar essa troca, você pode analisar alguns sinais, como, por exemplo:

  • Espécie de vibração ao tirar o pé da embreagem;
  • Estar muito baixo ou muito alto o pedal da embreagem;
  • Pedal da embreagem mais duro e pesado;
  • Ouvir ruídos quando está pisando no pedal da embreagem;
  • Troca de marcha mais difícil;
  • Embreagem “patinando” ao tirar completamente o pé do pedal a ponto de provocar perda de força de transmissão.

Se você identificar algum desses sinais quando estiver dirigindo seu veículo, o ideal é ir até uma oficina especializada imediatamente para fazer a troca, a fim de garantir a sua segurança e a segurança de todos aqueles que estão ao seu lado.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.