Início Geral Seleção Brasileira vai jogar duas vezes na capital durante Copa América

Seleção Brasileira vai jogar duas vezes na capital durante Copa América

A Seleção Brasileira vai voltar ao estado de São Paulo em 2019. A equipe fará, pelo menos, dois jogos na capital no meio do ano. Vão ser partidas pela disputa da Copa América, que terá o Brasil como sede. A cidade paulista vai receber jogos no Morumbi, estádio do São Paulo, e também na Arena Corinthians. O sorteio para definir os adversários dos confrontos será realizado no final de janeiro.

Serão cinco cidades a receber a Copa América. Além de São Paulo, o torneio vai até Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Salvador. Ou seja, todas as partidas serão realizadas nas capitais. Já o interior deve ser usado como sede para as equipes usarem como centro de treinamento, como foi na Copa do Mundo de 2014.

Os dias dos três primeiros jogos da Seleção Brasileira já estão definidos, segundo o portal de notícias GloboEsporte. No dia 14 de junho, a equipe de Tite vai estrear no jogo de abertura, em São Paulo, no Morumbi. Logo depois, dia 18, Salvador será a sede da segunda partida brasileira. No dia 22, o Brasil retorna para a capital paulista e encerra a participação na primeira fase jogando na Arena Corinthians.

A expectativa e a pressão para 2019 são altas, principalmente para o treinador Tite. Após eliminação na Copa da Rússia, o Brasil conseguiu 100% de aproveitamento em seis partidas. Foram vitórias importantes contra Argentina e Uruguai, por exemplo, que deram alguma paz ao comandante de Neymar e Coutinho.

No entanto, os jogos da Copa América podem definir a vida da comissão técnica até a Copa de 2022. Segundo alguns jornalistas do canal SporTV, perder o título na próxima temporada pode significar uma troca de treinador. Essa pressão existe pelo Brasil ser o grande favorito em quase todas as perspectivas, como, por exemplo, no portal de apostas esportivas Betfair. A equipe tem grande vantagem nos números contra Argentina e Chile.

A final da Copa América será no dia 7 de julho, no Maracanã. A torcida brasileira espera que o Brasil esqueça da memória os fracassos recentes nas competições. O time vai precisar mais do que nunca de Neymar, e outros jogadores, para a disputa.

Fernandópolis não deve participar

onte: Copa América via Facebook

Enquanto algumas outras regiões de São Paulo devem acomodar as seleções estrangeiras na Copa América, Fernandópolis deve ficar de fora. A cidade não tem conseguido respostas positivas para organizar alguns torneios importantes. Um exemplo disso ocorreu na Copa São Paulo de Futebol deste ano.

Além do Fernandópolis Futebol Clube ter desistido da participação, a cidade também ficou de fora da organização. Em 2018, o 4 cantos fez a cobertura dos 14 jogos da Copinha na cidade. Na ocasião, era esperado acontecer mais participações nos anos seguintes. No entanto, isso não se concretizou. Tanto o clube como a cidade ficaram de fora da 50 edição do torneio.

O mesmo deve acontecer na Copa América, já que dificilmente a cidade deve servir como centro de treinamento para alguma seleção sul-americana. O Estádio Municipal Cláudio Rodante não tem condições, atualmente, de receber uma competição deste porte. Porém, os moradores de Fernandópolis vão torcer, mesmo de longe, para um título da Seleção Brasileira. Assim, os fracassos de 2014 e 2018 podem ser mais facilmente esquecidos.

COMPARTILHE