Início Vizinhos NA REGIÃO: BUSER o UBER de ônibus garante até -60% no valor...

NA REGIÃO: BUSER o UBER de ônibus garante até -60% no valor das passagens

Considerado o “Uber” de ônibus, o aplicativo Buser opera em Rio Preto desde abril de 2018. E atualmente já Existe possibilidade de transporte de passageiros em ônibus leitos para São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Curitiba, etc., com até 50% de descontos.

O sistema funciona assim, ao invés de comprar passagens individuais na rodoviária, o viajante precisa baixar um aplicativo que possibilita fretar um ônibus inteiro, e pagando até metade do preço das passagens tradicionais.

Segundo o Buser, o app trabalha com empresas regularizadas e que já contam com experiência em fretamento eventual rodoviário, com motoristas profissionais, ônibus fiscalizados e com toda a documentação em dia. Para usar, basta acessar o app e verificar se já existe algum grupo de viagens para o destino que você pretende. Se tiver a lotação necessária, a viagem é realizada. Caso não tenha a viagem para destino de data que você quer, é possível criar um grupo para tentar viabilizar o fretamento.

O ônibus tem um ponto específico para a saída da cidade e chega no estacionamento do Tietê, na capital. No aplicativo, a proposta é rateio. O rateio inicial está dando R$ 82,73 por pessoa.

 

Quanto mais gente participar, mais barato fica para fazer a viagem. Atualmente para realizar a primeira viagem, para São Paulo, por exemplo, sai por apenas R$10, já para as próximas para capital Paulista, teve viajante que pagou R$59 em ônibus leito, mas comprou com uma antecedência de 15 dias.

O app é mais vantajoso que as conhecidas “caronas solidárias”, que são grupos que dividem o valor do combustível e viajam para o destino final e na maioria das vezes essas pessoas não se conhecem, o que gera um certa insegurança.

O que diz a Artesp?

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) informa que apesar de não existir nenhuma regulamentação específica sobre aplicativos desse perfil, no Estado de São Paulo o serviço de fretamento para viagens intermunicipais só pode ser feito por empresas cadastradas na Artesp. Atualmente, são mais de 1,3 mil empresas cadastradas.

 

fonte:

COMPARTILHE