Início Geral Evangélicos mandam recado sobre CPMF para taxar igrejas: “Se repetir isso, ele...

Evangélicos mandam recado sobre CPMF para taxar igrejas: “Se repetir isso, ele cai”

Após exigirem que Jair Bolsonaro (PSL) fosse às redes sociais desautorizar o secretário da Receita Federal, Marcos Cintra, sobre a criação de uma nova CPMF que pode incidir até mesmo no dízimo das igrejas, parlamentares da bancada evangélica fizeram ameaças ao chefe do fisco, dizendo que, caso ele repita a declaração, ele deixará o governo.

“Se ele repetir isso mais umas três vezes, ele cai. O Cintra é meu companheiro dos tempos de deputado. Vou ligar para ele e falar: ‘Ô, meu irmão, fica quieto aí’”, disse o deputado Lincoln Portela (PR/MG), que presidia a bancada evangélica até o mês passado. As informações são da coluna de Guilherma Amado, na revista Época.

-- continua depois da publicidade --

Segundo Portela, “As igrejas ensinam a ler, pagar imposto e trabalhar, chegam aonde o governo não chega”.

Vice-líder do governo no Congresso, Marco Feliciano também provocou: “Com esse tipo de pessoas no governo, quem precisa de oposição?”

A isenção de impostos de templos e locais destinados a cultos sempre esteve em pauta no Congresso, devido ao grande numero de deputados da Bancada da Bíblia, o projeto era barrado nas comissões.

PEQUENAS IGREJAS GRANDES NEGÓCIOS – A Cada hora uma nova organização religiosa nasce no Brasil

COMPARTILHE