Início Zona Leste Com mais escola sendo inauguradas, Fernandópolis avança no setor da Educação

Com mais escola sendo inauguradas, Fernandópolis avança no setor da Educação

A Prefeitura de Fernandópolis inaugurou na manhã desta sexta-feira, 02, a escola que funcionará como extensão da EMEF (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Coronel Francisco Arnaldo da Silva, na rua Manoel Marques Rosa, 371, Jd. América, atendendo a 180 alunos do primeiro ano do ensino fundamental.

PATRONO

Francisco Arnaldo da Silva Neto, representando a família do patrono, destacou que este foi um dia especial.

-- continua depois da publicidade --

“Momentos como esse mexem com nossas memórias. Fui aluno dessa escola e todos que fizeram parte de meu processo educacional estão em minhas lembranças e foram muito importantes em minha formação. O sentimento de todos nós da família é de gratidão por ver o crescimento desta escola que sempre foi bem conceituada. O nome de meu avô aqui deixa a lembrança do exemplo de homem bom que ele foi”, disse. Também estavam no evento o ex-prefeito Milton Edgard Leão, neto do Coronel, e Francisco Arnaldo da Silva Filho (bisneto do patrono da escola).

PALAVRA DE AUTORIDADE

O vice-prefeito Gustavo Pinato ressaltou a importância do trabalho realizado na área da educação em Fernandópolis e falou que esta é a base para uma boa formação dos cidadãos.

CIDADÃO PARTICIPATIVO

Edis Albanez, pai de aluno da escola Coronel, foi um dos colaboradores essenciais. Ele ajudou a colocar azulejos e pintar a escola nova. “Fiz esse trabalho voluntário com muita alegria, por gratidão por tudo o que eles fazem a meus filhos”, falou.

ZERANDO O DEFICIT DE EVASÃO ESCOLAR e a NOVA IDENTIDADE DE FERNANDÓPOLIS

A secretária municipal de Educação, Flávia Resende, destacou que muitas pessoas se envolveram para que a escola ficasse pronta em três meses e ainda destacou a participação ativa da administração que crava definitivamente Fernandópolis que tema EDUCAÇÃO como prioridade.

O 4Cantos conversou com Flavia Resende sobre as novidades que já estão programadas para o setor nos proximos meses e a quase nulidade da evasão escolar na cidade:

OUÇA:

 

 

 

 

COMPARTILHE