Início Zona Sul UBS, UPA, SANTA CASA? Saiba onde procurar atendimento médico em Fernandópolis

UBS, UPA, SANTA CASA? Saiba onde procurar atendimento médico em Fernandópolis

A rede de urgência e emergência de Fernandópolis foi estruturada e organizada pela Política Nacional de Urgência e Emergência, com o objetivo de integrar a atenção às urgências. Conheça o que cada unidade de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) está habilitada para atender e os locais certos para buscar atendimento.

TRIAGEM e AS CORES

Na sala de triagem das unidades, os pacientes são selecionados de acordo com o atendimento que necessitam. Esta classificação respeita o “protocolo de Manchester”, com os seguintes níveis de gravidade, sempre identificados por cores:

-- continua depois da publicidade --
-- continua depois da publicidade --
-- continua depois da publicidade --

cor azul “Não Urgente”, sem risco imediato de agravo à saúde (atendimento em até 240 minutos);

cor verde “Pouco Urgente” – baixo risco de agravo imediato à saúde (atendimento em até 120 minutos);

cor amarela “Urgência” – condição que pode agravar sem atendimento (em até 60 minutos);

cor vermelha “Emergência” – risco imediato de perder a vida (atendimento imediato).

UBS – unidades Básicas de Saúde

As UBS são locais onde os usuários do SUS podem receber atendimento médico para diagnóstico e tratamento de cerca de 80% dos problemas de saúde dos usuários. É nessas unidades que a população tem acesso a medicamentos gratuitos e vacinas, faz atendimento pré-natal, acompanhamento de hipertensos e diabéticos e de outras doenças como tuberculose e hanseníase. As UBS são a porta de entrada do SUS, contribuindo para o aumento da qualidade de vida e para a redução dos encaminhamentos aos hospitais. Para saber qual das unidades básicas de Fernandópolis seu bairro corresponde, basta tomar informações na Central de Saúde do Municipio noTel: (17) 3463-2333

 

UPA – Unidade de Pronto Atendimento

As Unidades de Pronto Atendimento (UPA) funcionam 24 horas por dia, sete dias por semana e podem resolver grande parte das urgências e emergências, como pressão e febre alta, fraturas, cortes, infarto e derrame. A estrutura simplificada, com raio-X, eletrocardiografia, pediatria, laboratório de exames e leitos de observação, colabora para a diminuição das filas nos prontos-socorros dos hospitais. Quando o paciente chega às unidades, os médicos prestam socorro, controlam o problema e detalham o diagnóstico. Nas localidades em que estão em pleno atendimento, as unidades têm capacidade para atender sem necessidade de encaminhamento ao pronto-socorro hospitalar mais de 90% dos pacientes. Estas unidades estão ligadas diretamente ao SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

 

SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência

Ao discar o número 192, o cidadão estará ligando para uma central de regulação que conta com profissionais de saúde e médicos treinados para dar orientações de primeiros socorros por telefone. São estes profissionais que definem o tipo de atendimento, ambulância e equipe adequado a cada caso. Há situações em que basta uma orientação por telefone. O SAMU/192 atende pacientes na residência, no local de trabalho, na via pública, ou seja, através do telefone 192 o atendimento chega ao usuário onde este estiver.

 

SANTA CASA de Misericórdia

Normalmente os pacientes atendidos em todas as unidades acima, cujas ocorrências necessitarem de médicos especialistas ou internações urgentes, como no caso de traumas automobilísticos, infartos, derrames, entre outros. Os encaminhamentos as Santas Casas deve ocorrer, orientados pelo atendimento básico de todas as unidades acima.

COMPARTILHE