Início PARABÓLICA PARABÓLICA – Seu Resumo semanal de noticias de Fernandópolis e região –...

PARABÓLICA – Seu Resumo semanal de noticias de Fernandópolis e região – De 10 à 16 JUNHO – 2017

REPERCUTIU

A denúncia, a cobrança e ação do vereador Murilo Jacob no resgate de uma lei de 2008 quê exigia que hospitais e núcleos de atendimentos a saúde mantivessem um cronograma com o expediente dos médicos foi destaque nesta semana nos principais meios de comunicação de Fernandópolis

ARQUIVO DE LEIS

Aproveitando a temporada de recesso, Jacob que está em seu primeiro mandato como Vereador, decidiu abrir o arquivo de leis da Câmara Municipal para estudar aplicabilidade de muitas delas que permanecem sem a devida aplicabilidade e  fiscalização

RECESSO SERVE PARA ISSO

-- continua depois da publicidade --
-- continua depois da publicidade --
-- continua depois da publicidade --

Ainda segundo Jacob, existem inúmeras leis aprovadas em outras gestões que estão enterradas nos arquivos da Câmara sem nenhuma atualização com departamento de fiscalização. A lei do expediente médico era uma delas e foi bastante comemorada pela população

DE OLHO NOS MÉDICOS

De agora em diante, a Santa Casa a UPA e as UBS de Fernandópolis deverão expor aos pacientes o expediente com o horário de atendimento, especialidade do médico e toda e qualquer possível troca no cronograma de atendimento disponibilizados no quadro de informações desses locais, para que toda a população possa fiscalizar.

QUADRILHA, MAS NÃO JULINA

Enquanto isso na FEF, a Justiça deve indiciar oito pessoas ainda nesta semana que quase levaram à falência da entidade. Só neste golpe que envolve a compra de créditos de uma usina de açúcar de Alagoas a FEF teve um rombo de 3 milhões.

EX PRESIDENTES E OUTROS

Dentre os envolvidos estão os ex-presidentes Luiz Vilar de Siqueira e Paulo Nascimento além de outras 6 pessoas que poderão se tornar reús nesta semana. Eles responderão responder por formação de quadrilha falsidade ideológica uso de documentos falsos. A FEF ainda segue cambaleando para tentar se levantar após suas últimas gestões

MAIS A INVESTIGAR

Numa segunda operação deflagrada pela Polícia Federal as fraudes estariam ligadas as bolsas concedidas na operação de chamada vulpino. Outra operação deflagrada na instituição que segue em investigação, teria relação aos números de bolsas do programa autorizado pelo governo e nem todas preenchidas. As autoridades suspeitam que hajam beneficiadores inferiores e que as entidades em todo estado de São Paulo estariam recebendo do programa sem a matricula de alunos.

CONTRA O MURO

A justiça de Fernandópolis também decidiu barrar a construção de um muro que cercaria todo um condomínio residencial na zona norte da cidade. Uma liminar do juiz Renato Soares de Melo mandou associação de moradores do Residencial Terra Verde suspender as obras que cercariam toda a localidade sobre uma multa diária de 10.000

A DISCUSSÃO VAI LONGE

Ação foi manejada pela prefeitura de Fernandópolis e a justiça entendeu que os documentos apresentados pela associação não demonstraram o atendimento para conversão do loteamento de aberto para fechado nem para construção do muro em toda extensão do condomínio o pedido foi feito dentre outras coisas pois a uma área de lazer construída com dinheiro público no interior do condomínio tal pendência deverá ser decidida judicialmente também

MEU NOME É… 

A organização do já tradicional evento de música alternativa Meu nome é João que aconteceria no mês de julho em Fernandópolis anunciou que a atração não ocorrerá esse ano. Por falta de Patrocínio e por ficar de fora da agenda da Secretaria de Cultura local os organizadores lamentaram a falta de empenho de ambos os setores para continuidade do evento

OPA, PERAÍ!

Dois dias após o anúncio ainda pelas redes sociais a possibilidade da realização do festival em outra data foi levantada. Os organizadores disseram que após o anúncio de que não haveria a edição desse ano uma breve movimentação da iniciativa privada pode garantir a realização do evento no mês de setembro. Estamos torcendo

+ CULTURA

A Prefeitura de Fernandópolis vai oferecer muita cultura e diversão neste período de férias escolares. O “Férias com Arte” será realizado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de 15 a 30 de julho, no Centro Cultural MerciolViscardi e tem também atração na praça do Corinto. O evento foi criado com o objetivo de oferecer atrações de qualidade, gratuitas ou com preços acessíveis, para garantir à população entretenimento e arte. Confira o cronograma AQUI

PLANO SAFRA EM FERNANDÓPOLIS

O prefeito André Pessuto esteve na manhã desta terça-feira, 11, na agência do Banco do Brasil de Fernandópolis para acompanhar o lançamento do Plano Safra 2017/18, que vai destinar R$103 bilhões de recursos para os investimentos no agronegócio brasileiro. A apresentação das linhas de crédito foi realizada pelo gerente José Armando Rosa.

O OLHAR DO SINDICATO

Para o presidente do Sindicato Rural de Fernandópolis, Marcos Mazeti o lançamento do plano é fundamental para garantir a subsistência e a renda do produtor rural, porém no entendimento das prerrogativas da Federação de Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo e de seu principal líder, Fábio Meireles, o Plano Safra não deveria ser lançado anualmente e sim com planejamento de até 4 anos. “Dessa maneira, o produtor conseguira se planejar dentro de uma estrutura orçamentária sem acabar sendo engolido pelo juros que poderão mudar de um plano para o outro”, explicou Mazeti

FLORESTA URBANA

A  Prefeitura de Fernandópolis, através da Secretaria de Meio Ambiente, deu início a implantação do “Piloto Floresta Urbana”. O local escolhido para o lançamento do projeto foi o calçamento da Escola Estadual Líbero de Almeida Silvares (EELAS), que terá o plantio de mudas em todo o contorno do quarteirão, propondo a implantação de calçadas ecológicas, com maior permeabilidade do solo. O projeto atende uma das diretivas de arborização urbana propostas pelo Programa Município Verde Azul, da Secretaria Estadual de Meio Ambiente.

FERNANDÓPOLIS NO MAPA

A ‘Mega Rodada de Negócios China/Brasil’ reuniu cerca de 100 empresários dos mais variados segmentos, do Brasil e da China. O prefeito André Pessuto e o deputado estadual Gilmar Gimenes que e presidente da Frente Parlamentar Brasil/China na Assembleia Legislativa do estado de São Paulo participaram do evento. Apenas 13 prefeitos do estado de São Paulo foram convidados a participar desta rodada de negócios, que teve como principal objetivo, estreitar os laços comerciais entre os dois países

SEGMENTOS DIVERSOS

“Falamos das potencialidades do nosso município, e que estamos de braços abertos para receber os chineses, estreitando os laços comerciais para exportação” comentou o prefeito André Pessuto. Cadastraram-se no evento, empresas dos segmentos: Telecomunicações, Tecnologia, Telefonia, Bebidas, Engenharia, Agronegócio, Medicina Tradicional Chinesa, Meio Ambiente e Sustentabilidade, Segurança Eletrônica, Têxtil, Construção Civil, Pesquisa Científica e Comércio Exterior (importação e exportação).

 

 

 

 

COMPARTILHE