Início Zona Sul Em Fernandópolis, Mais uma adolescente atendida pelo CREAS ganha bolsa de estudos...

Em Fernandópolis, Mais uma adolescente atendida pelo CREAS ganha bolsa de estudos integral

O comprometimento dos adolescentes com a escolarização, saúde, estabelecimento de novos vínculos comunitários e a adesão às oportunidades ofertadas de profissionalização, inserção no mercado de trabalho e acesso a bens e equipamentos culturais são, entre outros, objetivos que a equipe executora das Medidas Socioeducativas, composta pela assistente social, Natália Fioravante e a psicóloga, Jane Sigecazu, buscam alcançar com os usuários do Centro de Referência Especializado da Assistência Social – CREAS.

Graças a este trabalho que a equipe, sob coordenação da assistente social Caline Cebin, realiza com seus assistidos, que um deles, a adolescente Taísa Gabriel dos Santos, 17 anos, conseguiu uma bolsa de estudos integral para o curso de Maquiagem Profissional.

-- continua depois da publicidade --

A solicitação da bolsa à adolescente foi feita pelo CREAS à Rede ‘Educatec’ Brasil, unidade Fernandópolis, que por meio de seus representantes, os empresários Álvaro Medeiros e Lucas Lenon Ortiz, atenderam prontamente ao pedido.

O CREAS realiza constantemente um trabalho que fomenta debates com os adolescentes sobre suas aspirações, o mundo do trabalho, entre outros conteúdos e dinâmicas que possam facilitar a entrada e a permanência nos programas de aprendizagem e profissionalização. “Nesse sentido, considerando as diretrizes vigentes do Plano Nacional de Atendimento Socioeducativo, no que diz respeito à garantia da oferta e acesso à profissionalização, o CREAS tem superado desafios para assegurar tal direito a seus atendidos, junto à Administração, que tem urgência na polidez e eficiência das políticas públicas”, destacou a coordenadora CalineCebin.

As ações realizadas pelo Centro de Referência Assistência Social ao longo do ano foram elogiadas pelo vice-prefeito e secretário de Assistência Social e Cidadania, Gustavo Pinato. “O CREAS tem conseguido concretizar ações qualitativas em prol da população, abrindo suas portas a parceiros e voluntários, também do setor privado, a fim de uma maior conscientização da sociedade civil, visando uma convivência mais digna para todos em nossa comunidade”, frisou Pinato.

COMPARTILHE