Início Zona Leste Chuvas castigam Fernandópolis e colocam Defesa Civil em alerta

Chuvas castigam Fernandópolis e colocam Defesa Civil em alerta

Para levar mais tranquilidade e segurança para os moradores de Fernandópolis, a Defesa Civil Municipal intensificou seus trabalhos em decorrência das fortes e contínuas chuvas dos últimos dias, com suas equipes mobilizadas para atender eventuais chamadas da população, registradas pela equipe de Corpo de Bombeiros.

A quantidade de chuva registrada nos últimos dias foi de um acúmulo de 152,2 mm no pluviômetro instalado no Paço Municipal, nos demais pluviômetros no município o nível de chuva varia entre 100 mm e 130 mm. Os índices definem um “estado de atenção” que faz com que o Plano de Contingência municipal seja acionado.

-- continua depois da publicidade --
-- continua depois da publicidade --

Neste período, algumas ocorrências foram registradas pelo COMDEC, em todas elas a equipe da Defesa Civil esteve nos locais, verificando o acontecido. Nas últimas 96 horas foram sete ocorrências que variam entre quedas de árvores, infiltrações, quedas de pontes e até pequenos deslizamentos. Até o momento não há registros de vítimas.

OCORRÊNCIAS

No início da tarde desta quinta-feira (11-01) uma forte ventania destelhou cerca de 5 casas no Jardim Uirapuru, rompeu fios elétrico da rede de alta tensão e derrubou árvores na entrada do bairro. Uma residência teve parte de seu telhado totalmente levado pela força do vento onde foi interditada e o proprietário encaminhado ao CRAS para devida assistência.

 

No bairro Rosa Amarela uma casa foi interditada após apresentar frisuras e rachaduras de grau elevado, ocorridas com o excesso de água vindo de uma construção ao lado. Parte do imóvel precisou ser interdita. Já na área rural, divisa com Estrela D´oeste, uma ponte teve suas cabeceiras comprometidas pelo grande volume d&39;água do córrego ‘Santa Rita’. Uma equipe de engenheiros da Secretaria de Obras avaliou o estado da ponte e a Defesa Civil interditou a passagem, bem como também foi interdita uma ponte no Córrego do ‘Jagora’, que teve parte de sua estrutura comprometida.

A equipe também realizou, recentemente, a vistoria da Ponte no Córrego ‘Pádua Diniz’, na comunidade Rodeio, divisa de Fernandópolis e Macedônia. Há mais de seis anos a comunidade sofre com a referida ponte, que foi recentemente interditada. Através de um pedido da Defesa Civil Municipal, a Coordenadoria Estadual de São Paulo realizou uma vistoria no local para avaliar os danos e possível reconstrução da ponte, que será feita através de convênio com o Governo do Estado de São Paulo.

“No período de chuvas os moradores precisam ficar em alerta, porque se tratando de segurança todo cuidado ainda é pouco. Se alguém ouvir estalos, postes ou árvores inclinadas, curtos circuitos e inundações deve acionar os bombeiros pelo 193. Já em  casos de lâmpadas apagadas em vias e praças públicas a população pode ligar para a Ouvidoria Pública Municipal, pelo 0800 772 4550, das 8h às 17h”, explica o coordenador da Defesa Civil, Edmar de Oliveira.

COMPARTILHE