Início Zona Oeste Fernandópolis poderá proibir entidades de fora de pedir contribuições pela cidade

Fernandópolis poderá proibir entidades de fora de pedir contribuições pela cidade

O município de Fernandópolis poderá ter em breve uma lei que regulamenta a ação de agentes de entidades filantrópicas que abusam em pedir dinheiro e outro tipo de ajuda financeira no comércio.

 

-- continua depois da publicidade --

 

 

O Poder Executivo e Legislativo já confeccionam o dispositivo que vai proibir a prática de pedir recursos aos munícipes. As abordagens acontecem com frequências e causam polêmica, já que a pratica acaba sendo abusiva.

Os agentes dessas “entidades filantrópicas”, geralmente abordam idosos, e trabalham no psicológico até conseguirem arrancar dinheiro com promessas de que os valores serão usados em ações em favor de crianças e adolescentes. Há registro de doação com valores acima de R$ 100 reais em uma única abordagem.

Com essa nova lei, a entidade da qual está sendo usada para angariar fundos terá que ter sede ou filial no município de Fernandópolis e que comprove verdadeiramente ajuda a pessoas carentes, do contrário, a fiscalização da Prefeitura terá poderes para proibir a prática utilizando a própria polícia militar.

Em maio,a Câmara Municipal  enviou ao prefeito André Pessuto o pedido por providência com a finalidade de disciplinar as campanhas de arrecadação de fundos por entidades filantrópicas no município sem autorização prévia.

Para os vereadores, esses representantes de entidades abusam dos pedidos de ofertas sem apresentar qualquer comprovação de idoneidade e registros oficiais.

Algumas entidades chegam a desafiar os fiscais da Prefeitura e são treinados a resistir qualquer pedido das autoridades.

Fonte:

COMPARTILHE