Início PARABÓLICA PARABÓLICA – Seu Resumo semanal de noticias de Fernandópolis e região –...

PARABÓLICA – Seu Resumo semanal de noticias de Fernandópolis e região – De 28 de MAIO à 04 JUNHO – 2017

REPERCUTIU

O 4cantos teve com exclusividade a informação de que o Deputado Estadual Gilmar Gimenes esteve reunido com o Secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Laércio Benko, onde debateu e apresentou alguns principais pontos para a possível transformação de Fernandópolis em Estância turística visando principalmente o aquífero termal que a cidade possui dentre outros pontos ligados o turismo Rural

GUARDA MUNICIPAL

Na matéria em questão o prefeito André Pessuto explicava a reportagem quê os custos para cidade manter, treinar e contratar os serviços de uma Guarda Municipal acabam danificando parte das prioridades a serem elencadas na cidade, porém há um fundo destinado no governo implantação desse tipo de atividade exclusivamente em cidades de porte turístico como é o caso de Santa Fé do Sul – VOCÊ PODE CONFERIR A ENTREVISTA COM PESSUTO AQUI

ACIDENTE

-- continua depois da publicidade --

Três pessoas ficaram feridas em um acidente com um ônibus circular no final da manhã da última sexta-feirta (02), por volta das 11h20, na Cohab Antônio Brandini, zona norte de Fernandópolis.  Informações do boletim de ocorrência dão conta de que o motorista do veículo e dois passageiros foram socorridos por unidades do SAMU e do Corpo de Bombeiros com ferimentos leves após o acidente. Eles foram encaminhados à Santa Casa. O motorista recebeu atendimento e foi liberado.

“DESVIO”

Ainda de acordo com a PM, o ônibus fez um desvio em um trecho de terra devido a uma obra em postes de energia elétrica que interditou a rua, quando o motorista perdeu o controle. O veículo foi parar dentro de um córrego. Moradores e populares que presenciaram o acidente ficaram assustados com a situação.

CHINA/BRASIL/FERNANDÓPOLIS

A retomada dos serviços de exportação da carne nacional com a China, aproximou outras relações  com os orientais. Com a assinatura de diversos acordos em áreas como tecnologia, infraestrutura, transporte, agricultura, mineração e industria textil ficam mais próximo de todo o Brasil. Eles se instalam por aqui e utilizam-se da nossa mão de obra, gerando emprego e melhorando as relações. E Fernandópolis entra no circuito através dos Deputados, Fausto Pinato e Gilmar Gimenes que devem deixar a cidade apontada no mapa para a migração de industriais e linhas de montagem chinesas por aqui.

ENCOLHER

Segundo o Jornal Cidadão desta semana, Fernandópolis seguiu até então rastejando no quesito crescimento. Mesmo com todas as matérias de âmbito nacional circulando informações de a cidade seguia com uma das melhores para se viver ( ou aposentar), os dados mostram que se continuarmos no ritmo das administrações anteriores, vamos encarar uma diminuição populacional até 2030. sim, vamos “encolher”

OS DADOS

A população de Fernandópolis é estimada hoje em 65.776 habitantes em 2017 e atingirá 66.206 em 2025 para cair para 65.808 em 2030. Enquanto tivemos migração negativa na década de 2000(-002 migrante por 1000 habitantes), Votuporanga atraiu gente de fora (6,7%), para chegar neste ano em 89.776 habitantes; projeção de crescimento de mais 4.730 moradores até 2030, e população de 94.506.

PRINCIPAL FATOR

Ainda segundo o periódico, o desempenho populacional de Fernandópolis está ligado diretamente à estagnação econômica do país e a falta de prioridade na política de desenvolvimento industrial. A cidade não registra um grande empreendimento gerador de empregos há décadas e, consequentemente, não atrai migrantes e nem segura quem está por aqui.

O último grande movimento empregador na cidade foi o Shopping Center na década de 90. E a ZPE, bem, todos sabem que não vingou desde seu anuncio na gestão Vilar e seu reanuncio na gestão Ana Bim.

ALTERANDO O FUTURO

A própria Fundação Seade deixa em aberto que as projeções são dinâmicas e podem ser alteradas no seu curso, de acordo com o comportamento do desenvolvimento econômico nos próximos 13 anos. A reação, ou mudança de rota, deve partir das lideranças políticas e empresariais da cidade. São elas que ditarão os rumos da cidade nas próximas décadas.

PONTO DE IGNIÇÃO

Está lançado nas mãos do prefeito André Pessuto a responsabilidade de criar novas perspectivas com as primeiras dicas em instalar as primeiras empresas no Distrito Industrial VI até o final do ano. Cauteloso, Pessuto segue fazendo o passo a passo para transformar aquilo num berçário de empresas, cuidando inicialmente da infraestrutura e conexão, tudo segue em processo acelerado.  Enquanto isso as lideranças políticas  da cidade negociam os financiamentos com a Agência Desenvolve São Paulo, no que pode ser o primeiro tópico a alterar o futuro de Fernandópolis.

ÁGUA VIVA 

A nomeação de um administrador judicial para o Thermas do Anhanguera, mantenedor do Água Viva, em Fernandópolis, começou a contabilizar dividendos financeiros. Desde que assumiu o clube em abril, do ano passado, Marcos Fontes, contador judicial, começou a impor uma administração mais atualizada e realística. As informações são do EthosOnline

QUASE LÁ

Em 2016, o clube contou com um prejuízo de mais de R$ 386 mil. No entanto, Em janeiro deste ano foram mais de R$ 28 mil em lucros. De janeiro até março, mais de R$ 52 mil. O grande entrave do clube, que ainda está à venda, são as reclamações trabalhistas, deixadas por outras administrações

SUCESSO

O novo Clip da Cantora Bia Ferraz explodiu na web na última semana. Dona de uma voz poderosa e um carisma intergaláctica, a cantora da região gravou seu primeiro clip com a participação de dezenas de fernandopolenses. Você pode conferi-lo, AQUI

 

 

COMPARTILHE